Browse By

Como James Murphy e a IBM fizeram música a partir do U.S Open

PartilharShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Share on Tumblr0

james-murphy-ibmJames Murphy, prolífico frontman dos LCD Soundsystem, foi desafiado pela IBM e pela Ogilvy & Matter a criar música a partir dos torneios de ténis do Open dos Estados Unidos.

Tudo começou quando a gigante dos computadores perguntou ao gigante songwriter: Consegues fazer música a partir de dados de ténis? Nasceram então as U.S Open Sessions.

usopen-sessions

A IBM recolheu os dados dos torneios, Murphy criou um algoritmo que gera sons, e a Tool of North America criou uma caixa de música que funcionou em tempo real durante as partidas de ténis.

“Nunca fiz nada disto” diz James Murphy no vídeo do projecto, no qual explica melhor o processo de criação musical.

O algorritmo criado pelo dj converte dados “raw” de ténis em música. “O criador da música é o algorritmo, não sou eu”, clarifica Murphy no vídeo. Eu não estou a compôr, estou apenas a gerar probabilidades para a música”, acrescenta.

Na Cloud da IBM foi criado um tema único para cada um dos torneios, temas estes que Murphy vai incluir num álbum de remisturas dos seus torneios favoritos.

Ouve os temas aqui.

PartilharShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Share on Tumblr0

One thought on “Como James Murphy e a IBM fizeram música a partir do U.S Open”

  1. Pingback: LCD Soundsystem em turné? This Is Happening! - Buzzstop
  2. Trackback: LCD Soundsystem em turné? This Is Happening! - Buzzstop

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *